quinta-feira, julho 27, 2006

zzzzzzzzz.....



Sono. Dormir. Ora aí está uma coisa que a maioria das pessoas toma como "direito adquirido", salvo uma ou outra noite de insónias. E depois, além de dormirem bem, a maioria das pessoas fica pronta a funcionar com 6 ou 7 horitas de sono por noite...

Comigo, nada é assim. Durmo mal já desde os meus 16 anos. Geralmente adormeço depressa, mas depois é rara a noite em que durma mais de 3 horas seguidas, e isto quando não acordo logo uma hora depois de ter adormecido, e o ritmo se mantém noite fora. E a maior parte das vezes, porque acordo? Porque estou a sonhar. Sim, sonho, sonho e farto-me de sonhar, coisas estranhíssimas, de que às vezes me lembro e outras não, e em quantas noites não são pesadelos a sério que me despertam e me fazem acender a luz e até ligar a tv até que o medo se vá... Juntando a isto a tendência (desde que mudei de casa) para me deitar cada vez mais tarde, e não adianta o 1º pensamento da manhã ser - recorrente ao longo do dia - "logo tenho mesmo de me deitar cedo!", não admira que ande sempre cansada e com sono. Aproveito ao fim de semana para dormir mais horas (não melhor), mas não compensa, e ainda tenho de ouvir muitas vezes comentários como: "eu deito-me sempre às 1 da manhã e às 6h30 tenho de estar a pé e não ando sempre cheia/o de sono como tu!!". Pois, mas estas pessoas dormem estas horitas seguidas, têm algum descanso. E o corpo e espírito de cada um pedem mais ou menos horas de sono, e os meus nunca estão bem com menos de 8 horitas.

Claro que com isto tudo, tenho um péssimo acordar :op O ideal era que ninguém falasse comigo prái até às 11 da manhã, mas se o P. não me dirigir a palavra em casa já fico contente ;) Quando comecei a trabalhar foi tramado, habituar-me a chegar ao trabalho e ter de falar, de sorrir, de dizer bom dia. As pessoas vão-me conhecendo e já sabem como o "sistema" funciona, mas há dias em que, valha-me a Santa, só me apetece mandar toda a gente à....... Conchichina ^_^


Enfim. É um bem precioso, o sono. Ponho-o muitas vezes à frente de coisas talvez + importantes, porque preciso tanto de dormir...
Já ia uma sesta :o)

12 comments:

PA 27/7/06 19:39  

Primeiro tens de deixar de ler 'essas' coisas tipo Koontz à noite...

Tou a brincar amiga, eu sei bem o que são noites intermitentes. Se bem que as consequências em mim não sejam tão graves como em ti (porque, na maioria das vezes, re-adormeço com facilidade) eu acho que também só durmo seguido umas 6 horas UMA vez por semana. De resto passo a vida a acordar.
Acho mesmo que devias procurar ajuda nesse sentido. Talvez precises mesmo duma terapia de sono ou de re-educar qualquer sistema que esteja a funcionar mal.
Isto pode parecer brincadeira ou gozação mas não é. Não estou a chamar-te nada nem a mandar-te para o psicólogo. Há um Instituto do Sono, bom, no Porto. Em Lisboa sei que há uma clínica naquela rua que vai do Areeiro para a rotunda do Relógio, mesmo no cruzamento com a Av. EA mas não me lembro do nome.
Acho mesmo que devias experimentar pois sei o que isso te afecta.
Procura por 'sono' e 'lisboa' nas páginas amarelas online que vais encontrar vários resultados. (www.pai.pt)
:)

papalagui 28/7/06 00:37  

Seremos gémeas? Eu sou exactamente assim, mas lembro-me de dormir mal desde sempre. Sei de cor as últimas noites que dormi verdadeiramente bem: a véspera do meu casamento e o dia seguinte à defesa da tese de mestrado. Foi isto em 2001... Mas aceito isso como uma parte de mim, por mais estranho que pareça, embora às vezes ande exausta, e não tenho a sensação de ter de pôr o sono em dia. O meu pai também dormia mal e consultou uma especialista em sono, Dra. Teresa Paiva, tinha consultório em Sintra. Provavelmente devíamos fazer o mesmo. Bjs grandes

patxocas 28/7/06 12:02  

:(
Eu sou das pessoas que dorme pouco mas bem. Tenho insónias, mas nunca fico rabugenta.
Sou capaz de dormir 3 horas por noite e ficar bem o dia todo. Vai se lá saber porquê?...
Tenho um bom despertar.

A ideia da L. é muito boa, um terapeuta do sono. ;)
E já tentaste te cansar bastante antes de ir dormir? fazer ginástica à noite ou algo parecido?

fantasma 28/7/06 12:29  

Pois, provavelmente devíamos mesmo ver isto. Como não é um problema que impeça de viver "normalmente", vamos deixando de lado.... mas que é mau, é :(

L., como é que conseguiste dormir bem na véspera do casamento?! Quando for o meu devo estar uma pilha de nervos que não durmo uma semana antes! ;o)

Mesmo cansada, nem sempre durmo. Por exemplo, quando vou para a neve, que acordo cedo e faço exercício todo o dia, a que não estou habituada e fico exausta, também não é certo que durma melhor. Às vezes então, se estiver mesmo muito cansada nem consigo adormecer...

papalagui 28/7/06 14:20  

Não faço a menor ideia como consegui dormir na véspera do meu casamento e estava tranquilíssima no dia :)

Quanto ao sono, também sou assim, como faço uma vida normal já nem ligo.

Flor 28/7/06 14:42  

Bem, este parece ser um mal geral. Sempre me lembro de cair durinha na cama e acordar umas duas a três horas depois. Tal como tu, só começo a funcionar depois do meio-dia. Até lá, qualquer pessoa que meta conversa comigo arrisca-se a ouvir o que não quer :-p
O R. passa a vida a dizer-me que não sabe como é que me aguento em pé, que se dormisse o que eu durmo há muito que estava internado em algum sítio :p-
E de manhã, não dormes bem? É que eu a partir dessas oito horas é que fico ferrada, infelizmente a essa hora já tenho de estar de pé :-(

fantasma 28/7/06 15:34  

De manhã também não adianta. Geralmente aos fins de semana, que me levanto tarde, passo a manhã a acordar de hora a hora :(

Eu também lá vou funcionando. Estou é sempre com sono!!

Entretanto descobri 2 clínicas do sono aqui em Lisboa.

papalagui 28/7/06 16:19  

A Dra. Teresa Paiva, de quem falei ontem, aparece sempre na tv e acho que é mesmo a referência nestes assuntos.

PA 28/7/06 19:26  

Eu acho que 'as meninas' deviam ver mesmo isso.
Agora podem passar mal e tal mas vão aguentando as noites mal dormidas e nós vão aguentando o mau humor inerente (lol) mas quem sabe se mais tarde não pagam uma facturinha bem pesada?
Toca a tratar disso. Pode até nem passar dum descontrolo hormonal qualquer... fala a voz da experiência que eu cá sou como a patxocas, devo produzir muita serotonina pois bastam-me poucas horas de sono para andar bem disposta. Claro que se me deixarem dormir 8 ou 10 é cá uma alegria!

Virgulina 29/7/06 02:14  

Eu também acho que devias ver isso, não há nada como uma noite bem dormida! Eu normalmente durmo 6 horas por noite e mesmo que durma menos estou pronta a funcionar. Mas lá está, durmo um só sono, praticamente não sei o que são insónias. Ao fim de semana durmo sempre um bocadinho mais, mas durante a semana nunca me consigo deitar cedo, não gosto.

Tania Ho 29/7/06 16:11  

Sim, concordo com as outras, não custa nada ires a uma consulta e ver se podes fazer alguma coisa em relação a isso. Eu sou o contrário, acho que durmo demais :P Adormeço logo e só acordo de manhã, sempre um minimo de 6 horas pelo menos, e mesmo assim ao fim de semana ainda durmo a sesta quando consigo ;-) O que é engraçado é que raramente sonho ...

gata 30/7/06 17:23  

pois eu sempre dormi muito bem, e ao fim de 9h (menos, não - só se compensasse com a bela da sesta) estava fina e fresca. entretanto, com a depressão, passei a dormir 13 a 14h, mas muito mal dormidas, depois voltei a dormir 9h mas com muitos pesadelos e qualidade do sono népia, há poucos meses comecei a ter insónias, e agora parece que está tudo bem:

adormeço facil e rapidamente à noite, durmo bem, e se não fossem os gatos que me acordam sempre às 6h bastavam me as tais 9h, eventualmente 10h... mesmo assim, ainda durmo demais...

  © Blogger template 'Sunshine' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP