terça-feira, junho 27, 2006

as férias



Pois então. Cá venho contar um bocadinho de como foram.

Amsterdão. Era uma cidade que eu tinha uma certa curiosidade de conhecer, mas estava longe do topo da minha lista de "prioridades", e a ideia que já tinha não se alterou. Não gostei particularmente, não achei que tivesse muita coisa de extraordinário. É gira, sim, e original, as casinhas estreitas todas tortas e os canais por todo o lado, mas ao fim de se ver 3 ou 4 ruas, está tudo visto.... a cidade "principal" não é grande e como é tudo plano, anda-se muito bem a pé. Fiquei admirada com a quantidade de patos que há nos canais. Famílias!! :o) As bicicletas são o caos... nós não andámos porque eu hoje em dia não estou habituada e de certeza que me iria cansar num instante, e ainda bem, porque não me ia entender no meio de tanta confusão, já a pé não era fácil. Nem sempre a divisão entre passeios e estrada é claramente visível, a maioria das vezes os cicilistas não páram nos semáforos vermelhos e convém sempre olhar se não nos cai nenhum em cima... Mas a facilidade com que eles anda dum lado para o outro, muitas vezes de saco de compras numa mão e telemóvel na outra, é impressionante!!

Gostei do
Bloemenmarkt, o mercado das flores que era muito perto do hotel, pela variedade e beleza das flores lá existentes. Eram lindas. E fiquei apaixonada pelos bonsais, que não é coisa que dê muito jeito trazer de souvenir!! Vi mais que uma vez as pontes a abrirem, incluindo uma das mais famosas de lá, a Magere Brug. Logo no primeiro dia demos uma volta de barco pelos canais, tem-se uma perspectiva diferente da cidade, mais para o fim fizemos um 'Pizza Cruise', mais um cruzeiro pelos canais, ao final da tarde, enquanto nos serviam jantar: pizza quentinha e gelado Ben & Jerry's de sobremesa :) Fomos ao Rijksmuseum e ao Van Gogh Museum, no primeiro fiquei desiludida porque devido a obras mais de metade do museu está fechado e como pensei que não se podiam tirar fotos deixei a máquina na entrada e não pude portanto tirar uma foto à famosa leiteira do Veermer!!; no segundo, não sendo eu fã do amigo Vincent, só pensava no dinheirão que paguei para lá entrar ;op O P. lá me convenceu, mesmo assim, a trazer uma reprodução do famoso quarto. Foram definitivamente dias a mais em Amsterdão, tanto que nos últimos já andávamos para lá às voltas a tentar descobrir o que fazer....

E mesmo assim, num dos dias fomos dar uma volta pela Holanda mais próxima, começámos por Aalsmeer, onde se realiza o leilão das flores, passámos em Roterdão com uma paragem breve para tirar umas fotos, chovia e pareceu-me tudo prédios enormes e cinzentos; almoçámos em Delft, depois de termos ido a uma fábrica de porcelana, e aí em Delft é que eu queria ter tido tempo porque me pareceu uma cidadezinha muito gira, com casinhas pequeninas e canais também pequeninos, depois passámos por Haia, que também não me pareceu muito interessante, gostei de passar pela marginal de Scheveningen, a praia lá do sítio, banhada pelo muito cinzento (ou seria acastanhado?!) Mar do Norte, ou também podia ser pelo dia de chuva que tinhamos. Por último fomos à cidade em miniatura de
Madurodam, que é muito gira mas que tivemos de ver a correr mais uma vez por causa da chuva....

E por falar em chuva... Nos primeiros dias estava um calor insuportável, 30 e tal graus abafados, diferentes dos nosso, parecia uma sauna. O nosso quarto, ou melhor dizendo, cubículo, era numa casa das típicas de lá, estreita, as janelas quase não abriam e não havia ar condicionado, pelo que era uma tortura estar lá dentro, e tentar dormir! Definitivamente não tinha condições. Ainda por cima como o só anoitece às 11 da noite!!!!! não dava para refrescar com o descer do sol.... Também não foi agradável quando dum dia para o outro a temperatura desceu uns 15ºC e desatou a chover (ah, mas pensam que o quarto refrescou?! queriam!! isso só mesma nas últimas noites...). Vá lá que houve um dia mau mas depois melhorou, voltou o sol e não estava demasiado frio. Ai e as panenkoeken!!!!!! Que maravilha!! Pena que só comi duas ;op Holandês é como se fosse chinês, o que vale é que falam todos inglês na perfeição.

E pronto, lá regressámos, e rumámos a Troia, onde tivemos uma semana de tempo espectacular, calor, água não muito fria, descanso, muita leitura e, claro, um escaldãozito aqui da anémica ;o]

Vou agora começar a "uploadar" as fotos, por isso vão espreitando
aqui. Como o blogger está com birra e não me deixa cá colocar nenhuma, ficam só com o testamento =)


PS - Venho cá acrescentar que me esqueci de dizer que fui à casa da Anne Frank, à Heineken Experience, ao Red Light District e que passei à frente de muita coffee shop!!

10 comments:

Virgulina 27/6/06 12:19  

Também não é cidade que me atraia por aí além. O Pizza Cruise pareceu-me muito bem, mas não falaste na parte mais engraçada, então e a Heineken? :op

Tania Ho 27/6/06 12:21  

um pizza cruise ?? só tu, realmente, para descobrires essas coisas ;-) eu tb gostei muito de madurodam e da última vez que estive em Amsterdão trouxe de facto um bonsai (claro que não durou muito tempo :P). Que ricas férias, sim senhora ;-)

fantasma 27/6/06 12:25  

Tens razão, não falei da Heineken Experience :o) Foi engraçado, aquilo está giro lá dentro, tens montes de coisas que podes fazer e ainda tens direito a 3 cervejas à borla (para quem gosta, pois então!)

O video fica entre nós ;op

Ó Tânia, o pizza cruise está nos panfletos promocionais de excursões... ;)

Witchie 27/6/06 14:01  

Eu gostei de Amesterdão, mas também só lá estive dois dias... Acredito que dê para fartar, não é assim tão grande e é, realmente, muito do mesmo. Mesmo assim acho que vale a pena uma visita! :)
Andar de bicicleta é giro, mas não é nada fácil, não senhora! Eu atropelei um Punto e ia malhando uma série de vezes, sobretudo porque os travões eram esquisitos à brava!! Tinhamos de pedalar para trás para travar :S

fantasma 27/6/06 14:08  

LOL!
E sim, eu reparei nisso nas bicicletas, que não tinham travões. Mas as alugadas, algumas tinham, devia ser questão de se pedir...

Tania Ho 27/6/06 14:51  

passaste à frente de muita coffee shop e não entraste ? ;-)

fantasma 27/6/06 14:57  

Não. Só o cheiro à porta já era de cair pra o lado ;op

Anathema 27/6/06 15:04  

Pois é uma cidade para fazer uma visita num fds prolongado!

Eu já me lembro pouco de qnd lá fui...gostava de voltar! Assim já fico a saber, um fds de 3/4 dias é suficiente!

o video foi de rir...n tava nada à espera qnd abri e como estava no trabalho foi engraçado!

PA 29/6/06 11:54  

Pois, pois, ah e tal, a Heineken Experience, o Red Light District, as coffee shop!!
Depois vens cá armar-te em santinha com a casinha da Anninha Frankinha... como se a gente não te conhecesse!

Mãe Babada 29/6/06 12:01  

Que engraçado. Eu não me canso de Amsterdão. Também gosto mais do lado alternativo da cidade.

  © Blogger template 'Sunshine' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP