terça-feira, abril 14, 2009

mudanças

Eu não gosto de mudanças, a menos que sejam muito controladas. É o medo do desconhecido :) Mas agora vou ter de viver com mais uma, e é mais uma mudança de chefe. Quem me lê sabe os problemas que tive com o chefe que me calhou em sorte (mais em azar, vá!) quando entrei para aqui, foi de tal maneira que ainda hoje só olhar para ele me causa urticária, vá lá que o contacto é mínimo.
O chefe que se seguiu, nas novas funções, não tem comparação. Gosto muito dele, é um "gajo porreiro", está sempre disponível para ajudar e explicar algo, apoia-nos, mas também diz o que tem a dizer quando é para chamar a atenção ou criticar algo, mas sem ser com um tom paternalista ou que nos faça ficar de pé atrás. Mas surgiu-lhe uma oportunidade que ele não quis desperdiçar, e vai para um projecto dentro da empresa mas fora do país, pelo que bye bye chefe.
A solução que arranjaram parece-me realmente a melhor, a de colocar a pessoa da equipa com mais experiência como chefe, mas não é uma pessoa fácil e os próximos tempos pelo menos vão ser complicados. É aguentar e bola p'rá frente...

4 comments:

Leonor 14/4/09 15:41  

Nem mais, é aguentar e, acima de tudo, não antecipar :-)

Di 14/4/09 22:05  

Espero que corra tudo bem!

Buzas 15/4/09 10:34  

Expectativas baixas = pouca desilusão! ;)

fantasma 15/4/09 10:36  

Não é a desilusão que me preocupa! É a falta de perfil, os atritos que acontecem às vezes, o ter de ser eu "rebaixar-me", o ir sobrar muita coisa para mim pq ela descarta-se de coisas e é distraída. Com a desilusão podia eu bem!

  © Blogger template 'Sunshine' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP